Recent Posts

domingo, 28 de dezembro de 2008


EMOÇÕES
Dores emocionais
Quem não as teve
Experiências emocionais doloridas
Que ferem e machucam o coração da gente.
Dores que persistem
Fazendo sofrer mais que a dor física
Não cicatriza
Basta qualquer coisa para fazer recordar
E retornar a doer.
A angústia é superada
Mas a lembrança fica arquivada
Da dor experimentada e gravada no tempo.
Golpeando de novo quando é lembrada
Emoções doloridas que marcam inevitavelmente
A vida da gente.
CONCEIÇÃO PEARCE

VIDA NA TERRA

Com a lapidação do meio ambiente
Estamos roubando o nosso futuro
De maneira rápida e progressiva
Colocando em perigo a vida do nosso mundo.
Individualismo exacerbado
A busca exclusivamente pelo lucro
Desvalorizando a vida de todo ser
Desequilibrando tudo.
A natureza retruca
Numa intensa violência
Com calamidades surpreendentes.
O clima as estações
Tudo tão dúbio
Decorrente de uma ação inconseqüente.


CONCEIÇÃO PEARCE

sábado, 27 de dezembro de 2008


SENSIBILIDADE


O acaso não existe
Sempre existe uma razão para tal acontecimento
Mesmo que as respostas não possam ser dadas.
Mesmo que hoje não se tenha palavras para expressar o que se passa
Em algum momento da nossa vida
As respostas viram como uma onda
Que nos apanha de frente
Uma mensagem foi enviada para o universo
Na busca de respostas
E ela vem sem hora ou data marcada.
Vem sem compromisso
Ensinar-me que tudo tem o porquê e para que
Basta ser capaz de fazer a releitura dos acontecimentos.


CONCEIÇÃO PEARCE

INSTANTÂNEO

Presos aos ponteiros do relógio

Na vida quotidiana e muito mais no trabalho

É o tempo que passa como sempre passou

Mas estamos correndo cada vez mais.

Em busca de soluções imediatas

Transtornados por atrasos

Percalços da vida que passa.

Onde tudo segue seu curso

Angustiamo-nos quando

Queremos fazer valer o nosso.


CONCEIÇÃO PEARCE

ACOMODAÇÃO


Na busca simplesmente pelo contentamento

Corremos um grave perigo

Rico de vida

De sucumbirmos na acomodação, alienação.

Que nos seduz de forma disfarçada

Levando-nos ao descanso e imobilização

Dos nossos atos, sonhos e projetos.

Parados gratos satisfeitos com tudo

Pereceram sempre os mesmos

Numa desconstrução da vida e dos relacionamentos.

Tudo ao redor se transforma

Em milésimo de segundos

Parados estagnaram

Sepultamo-nos no tempo.

Negando a vida que é intenso movimento

Criar e recriar

Fazer acontecer

E ser.


CONCEIÇÃO PEARCE

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008




VOCÊ

Você me marcou quando se foi
Marcas tatuadas que não dar para apagar
Nem com o tempo ou um novo amor.
Saiu da minha vida Mas não do meu coração
Não me deixou saída
Cai na solidão.
Um novo coração para mim se abriu
Mas não tem a mesma paixão
Pois alguém igual a você
Ainda não me tocou não.
Amores com intensidades iguais
E emoções naturais
Não acontecem na vida da gente constantemente.
Saiba que te amei
E vou te amar para sempre
Amores verdadeiros não duram apenas um Janeiro.

Conceição Pearce.

VIVER


Antes que o dia passe
E a rotina me comprima e faça-me esquecer de mim
Antes que eu me debruce sobre os problemas de ontem
E as situações de hoje buscando soluções sem fim
Eu necessito olhar um pouco para mim.
Antes que você se retire da minha vida
Eu necessito escutar meu interior e entender como estou
Antes que a repetição monótona
E os problemas da vida me afoguem
Eu necessito saber para onde vou e o que em mim mudou.
Antes que o ano passe ligeiro
Eu necessito achar meu caminho
Sabendo que trilho sozinho no autoconhecimento de mim mesmo.

CONCEIÇÃO PEARCE

VIVENDO


NA DANÇA DA VIDA
CONJUGO CONTIGO O VERBO
QUE VOCÊ CONQUISTOU
NA DANÇA DA VIDA
O AMOR PODE SER DOR
OU UM CAUSADOR
NA DANÇA DA VIDA
AS PEQUENAS DORES PODEM NÃO SER SENTIDAS
QUANDO A GRANDE JÁ NOS VISITOU
NA DANÇA DA VIDA
PESSOAS INIGUALÁVEIS PODEM ESTAR
REALIZANDO TRABALHOS IRRECOMPENSAVEIS
NO LUGAR DE QUALQUER TRABALHADOR
NA DANÇA DA VIDA PODEMOS ESTAR JOGANDO FORA
O VALIOSO DOM DE SABER CONJUGAR O AMOR
NA DANÇA DA VIDA
SOU DESTITUÍDA DE MANOBRAS FINGIDAS
PORQUE NUMA DELAS ACABO MOSTRANDO
QUEM VERDADEIRAMENTE SOU
NA DANÇA DA VIDA
SOU CHAMADA A REALIZAR ESCOLHAS
E PAGO CARO POR TER ESCOLHIDO
DANÇANDO APENAS COMIGO
A VIDA QUE ESTAR DENTRO DE MIM E AO MEU REDOR

CONCEIÇÃO PEARCE

VIDA


No teatro da vida
Representamos personagens mil
Falas, gestos, atitudes
Mas quando amamos somos chamados a representar a nos mesmos.
Então nossa fala cala não é mais um ensaio
È a expressão de um sentimento verdadeiro que não estar em nenhum texto.
Sou eu a falar por mim mesmo
Dando-me a você
Sem ensaios ou dialogo contido em algum escript para produzir reações que já conheço.
Sou eu crua nua, inteira para você sem subterfúgios ou disfarce.

CONCEIÇÃO PEARCE

UM NOVO TEMPO


Um novo mês se inicia
Olho em volta tudo passa, algumas coisas devagar outras se arrasta
E outras ainda tão rápidas como um piscar de olhos.
Olhando para dentro de mim descubro desejos
Sentimentos que ainda teimam em querer ficarem colados a mim.
Paixão antiga estagnou aí?
Coração necessita reagir.
Pensamento deixe de andar vagando como o vento em busca de momentos
Que o passado deixou lá atrás.
Emoção pára de agir fazendo meu coração bater tão forte assim.
Lembre-se que hoje é outro dia e tudo passou
Restou a lembrança e o que se foi não voltou.
Os bons momentos se perpetuam apenas na lembrança
Na memória de que naquele tempo eu fui feliz
E hoje para um novo tempo meu coração se lança
Como criança nos braços de quem tem confiança
Com alegria busca viver o que o bom tempo
Tem reservado para mim.

Conceição Pearce

TUDO PASSA


Sofrimento contínuo
Que tudo arrasa
Porque me agarrar a ele
Enquanto tudo em torno de mim passa
Caminha tem seu movimento
E só não passa essa dor que teimo em alimentar
Frustração expectativa fracassada
Tristeza ou incertezas de amor que não foi expresso em palavras.
Tudo passa com o passar dos dias as horas também as coisas boas
A dor segue o mesmo curso de passar
Porque retê-la e ficar a sofrer?
Numa vida onde tudo tende a correr
Não me cabe nada dizer ou reter
Mas deixar ir sair de mim e passar por mim


CONCEIÇÃO PEARCE

TU
Lembranças tuas que ficaram

Na sala, na copa, no quarto

Mas o que é pior ficaram tatuadas em mim.

Entro no meu abrigo

E lá você estar comigo

Não te convidei, mas as lembranças de você ficaram aqui comigo.

Trago você no meu coração

Como me desfazer dessas lembranças

Que acabam virando Constância

Fazendo meu coração sofrer.

Fantasmas teus que me acompanham no dia-a-dia

Decidi exorcizar a minha alma

E a mim eles não iram mais fazer meu coração doer

Pois lembranças do passado

Iram compor uma história de uma página de amor
Que passou e que foi bom enquanto durou.


CONCEIÇÃO PEARCE

TOQUE DO DIA


Mais um dia se foi

E em mim ficou o toque do dia que passou

Toques graves

Toques profundos

Ansiedades que vem e que vão

Desse dia que findou

E que marcas em mim deixaram

Ficaram tudo impressos

Formulados em minha mente em meu coração

Necessário refazer-me no final do dia

Repensá-los e retirar desses toques ensinamentos

Suaves para viver no outro dia ou uma vida inteira

Terei que me deixar tocar

Sem medo ou receio

E aprender do toque que se dar no dia-a-dia sem fantasia.


CONCEIÇÃO PEARCE
TEMPOS DE HOJE-2

Tempo da fama
Sociedade do espetáculo
Momento do hedonismo mundial
Do prazer pelo prazer de não saber o porquê
Individualismo total Tragédia humana
Não existe nada que comunique paz e harmonia
Contrabando, cárcere privado, morte, agonia, capítulos do horror
Ondas que se propagam pela mídia todos os dias Invadindo casas e corações
Disseminando sentimentos mais podres da humanidade
Da sua decadência violência e desamor.
Não há justiça mais a mídia a justiçar no espetáculo da notícia
Ruptura do anonimato por cinco minutos de fama
Em busca de audiência propagam-se ondas do mal
Que contamina de norte a sul do planeta
Casos parecidos que começam aqui acolá e ali
Como se fossem uma orquestra regida a
Acordes do submundo humano.

CONCEIÇÃO PEARCE.

TEMPOS DE HOJE


Ao debruçar sobre mim

Busco e rebusco sentimentos

Que não são apenas meus.

Retratos, retalhos, pedaços

Parecidos com traços, rotos de uma civilização.

Onde por mais que pense e repensem conclusões

Não encontro definições exatas do que nos tornamos,

Para onde caminhamos e do que somos capazes.

Mentes brilhantes, ações estonteantes

Usadas para enganar, ludibriar, confundir e até matar.

Usam o oportunismo para escapar

Dos olhos daqueles que tentam ver

E repensar o que estar a acontecer ao seu redor.


Conceição Pearce
TEMPO

Se fosse possível por um segundo parar o tempo
E congelar pelo menos um momento
Que o esquecimento jamais apagasse e nos anos se perpetuassem
Eu escolheria os momentos de felicidade
Que se firmassem na memória com sua historia
E reprimissem os momentos de dor e desilusão
E quando a tristeza me visitasse e a solidão meu coração alcançasse
Eu mergulhasse nessa onda de amor que meu coração guardou
Momentos mágicos que se fazem inteiros no presente
Deveriam durar para sempre
Sem perceber eu não me dou conta que isso tudo me prende
Como uma corda que ata não deixando meu caminhar deslizar
E vivenciar o hoje que não é tão ruim assim
A combinação desse momento com aquilo que passou e me veio como presente
Fazem-me ter aversão aos mementos que me causam dor
Mas são esses principalmente que me levam para frente.

CONCEIÇÃO PEARCE
SITUAÇÕES

Os números governam o mundo
Números estratosféricos da economia
Alimentam a mídia todos os dias
Para baixo ou para cima
Oscilam no mercado mundial
Que de certa forma impactam
Sobre minha vida real
Metas, desafios, produção
Mercado de ações, inflação
Números definidos, mas que no fundo é imprevisível.
Preços que sobem outros que oscila
Dependendo da mercadoria
No meio dessa ilusão econômica
Acabo sendo engolida por essa ciranda dinâmica.
Que não constrói, mas destrói a paz real
Se me deixo ser levada por esse cenário mundial sul real.

Conceição Pearce
RELACIONAMENTOS

Pensar que sabemos amar...
Conhecer acolher aceitar incondicionalmente alguém
Com seus costumes e pensamentos
Manias e simpatias.
Com seus posicionamentos.
E no dia a dia usar da mais calma melodia
Para um novo começo
E de novo se mostrar
E conhecer pelo avesso
Residindo do mesmo endereço
E no final do dia
Deitar-me ao teu lado
Perguntando-me se te conheço
Ou ate mesmo se te mereço.
Escolhas que nos causam danos
Na alma deixam marcas
Que o tempo não consegue esconder
Só um novo amor faz a chama reacender
E o passado esquecer.

Conceição Pearce
RECOMEÇAR
Novo ano vem chegando
Trazendo com ele novas energias
Levando-me a pensar em perdas e conquistas
E perceber a evolução ou involução da minha vida.
O que necessita ser recriado reinventado ou ate mesmo apagado
Na entrada desse novo tempo a se processar em 365 dias
Qual o foco por mim dado em cada situação ou acontecimento
E esses problemas pertinentes que me desafia e desencoraja
Minando minhas energias e comigo arrasa.
É hora de me voltar para dentro
E perceber o que há com esse bombardeamento de sentimentos que habita minha casa
Se não posso mudar o que estar ocorrendo lá fora
Pelo menos posso tentar mudar a minha reação diante dos acontecimentos.
Realizando escolhas que podem fazer diferença a cada momento
Alterando o sentido da vida que também acontece lá fora.
CONCEIÇÃO PEARCE
RAIVA
Que sentimento é esse que nos invade
Toma rouba e domina
Declina o equilíbrio emocional
Desarmando qualquer pensamento de harmonia
Proveniente de uma atitude humana e sensata
Inverte contra o eu civilizado
E uma personalidade rude e estranha mostra sua cara
De onde vem?
Estava ali adormecida esquecida
Esperando o momento propicio para vir à tona
Dualidade personalidade instável
Quem sou eu?
Quem é você?

Conceição Pearce
QUANDO AMAMOS

Quando nosso coração é tomado por um sentimento
Que nos rouba os sentidos e nos apaixona por alguém
Onda de emoção nos invade
Com um simples gesto ou emboçamento de amizade.
Querer ter e amar
Com toques, caricias e afagos
Mas quando esse amor
Longe dos nossos olhos estão
E o nosso corpo insiste a desejar
Necessidades afloram
E passamos a sofrer
O esquecimento do mais banal ato do dia-a- dia é deixado de lado
Passamos a suspirar
Com vontade de ter, ver pegar sem poder.

CONCEIÇÃO PEARCE
PERDA

Há momentos que o mundo desaba
E ninguém é capaz de nos compreender
Por mais conselhos que nos dê
Nada é capaz de mover a dor delirante
Ficamos sozinhos
Nada aplaca a angústia que sufoca e sacrifica
O coração sangra
Quando a dor do abandono sobre nos se lança
Alguém que nos deixa e a perda é dilacerante
Inquietante e ficamos a nos indagar o porque?
Mergulhados no mar da dor
Que nos paralisou
E só o tempo e capaz de remover.
CONCEIÇÃO PEARCE
PERCEPÇÃO
Tempo que se arrasta para uns
Que corre para outros
Que transpira poesia para tantos quanto param para olhar o pano de fundo
Do tempo que estar a passar e perceber a musicalidade que permeia os dias.
Os sentimentos ainda puros
Que move ações de ternura e amor
O mesmo tempo com seus inúmeros matizes que se modifica
Na ótica do coração que estar a observar
O tempo por ele a passar apesar da confusão do mundo.

CONCEIÇÃO PEARCE
PENSAMENTOS

A NOITE CAI
E NESTE ESCURO QUARTO DO APARTAMENTO
SOBRE A LUZ DO ABAJUR
PENSO EM VOCÊ
ONDE ESTAR A ESSA HORA
DEPOIS QUE LEVEI UM TREMENDO FORA
NÃO CONSIGO TE ESQUECER
E AS LEMBRANÇAS QUE ME CANSAM
VIVO A PENSAR SÓ EM VOCÊ EM NOVAMENTE TE TER
SEM PERCEBER ME PERTURBAM E ALUCINAM
O DESEJO ME ANGUSTIA DIA A DIA
PORQUE O AMOR QUASE SEMPRE ACABA SÓ DE UM LADO?
DEIXANDO O OUTRO LADO A SOFRER
PASSO A CONVIVER COM FANTASMAS DO MEU QUERER
MAS A ONDE ESTAR VOCÊ
QUE ME DEIXOU ASSIM COM ESSA OBSESSÃO
DE SÓ PENSAR EM VOCÊ
E JUSTAMENTE NESSA HORA
ONDE TUDO SE AQUIETA E SILENCIA
VEM EM MINHAS LEMBRANÇAS
MAS QUE NÃO POSSO ALIMENTAR A ESPERANÇA PARA NÃO SOFRER
POIS LOGO MAIS IRA AMANHECER
E A REALIDADE DURA E CRUA VEM EM MINHA PORTA BATER

CONCEIÇÃO PEARCE
O AMOR

Ando por uma estrada numa viagem
Nem sempre sozinho
Sinto vontade de voar
Numa pretensiosa convicção
De saber planar sobre as nuvens mares e cidades.
Mas até nestes momentos a força da gravidade me mantém preso a conexão
Que não é tão fácil entender ou se desfazer
É o amor que surge em nossas vidas e nos rouba de repente
Que até mesmo o pensamento é aprisionado a pessoa amada.
A pequena ave que voava despretensiosamente
Num vôo sem limites e sem rumo
Acaba voando apenas para o coração que tanto ama
Como se tivesse apenas um único caminho
Pois encontrou naquele lugar o seu porto seguro.

CONCEIÇÃO PEARCE
MOMENTOS

LUTA TRAVADA NO MEU DIA-A-DIA
ENFRENTAMENTO DESARMADO
ESSA LUTA ÁRDUA
QUE ME ESPREME
COMPRIME MACHUCA E SUBJUGA.
AS SITUAÇÕES QUE SE LANÇAM COMO UMA ONDA FURIOSA
MOSTRAM-SE DIFERENTES A CADA MOMENTO DO DIA
TORNA-SE DIFÍCIL AGÜENTAR.
MAS A HABILIDADE ESCONDIDA DE REPENTE SE FAZ CONHECIDA
RESPONDENDO AS NECESSIDADES SEMPRE CRESCENTES
DA VIDA QUE DESAFIA
E QUE O DIA DE LUTA VEM REVELAR.

CONCEIÇÃO PEARCE
MANEIRA DE AMAR

Esmero-me em te dar
Amor carinho aconchego
Mas sempre terei que lembrar
Tu não amas como eu
Nem se dará a mim
Como me dou a te
Pois cada um
Tem sua forma de amar
Amando do seu jeito.

CONCEIÇÃO PEARCE
HUMANO

Feridas da minha infância
Cicatrizes visíveis na minha adolescência
Que de vez em quando sangram na minha idade adulta
Abertura que o tempo não esconde e nem se perde
Saber lhe dar com minhas deficiências e limitações
Aplicar o remédio certo na hora certa
Para não ferir com minhas feridas
As pessoas tão queridas
Sei que reside em meu ser vários eus
E todos eles vivos e ate mesmo independentes
A qualquer hora do dia ou da noite podem surgir lentamente
Produzindo em te feridas da minha ferida que sangra constantemente
Como estou tão próximo de te
Será o primeiro a receber o que não foi pensado pra te dar
Não é aquilo que mereces ter
É somente o meu eu limitado pequeno
E tão humano que você viu agindo de relance por um instante.

Conceição Pearce.
FELICIDADE

Porque me condicionar a seguir padrões
E não dar vazão aos meus sonhos
Seguir minha mente e me permitir dentro daquilo que meu coração quer e sente.
Porque me colocar numa moldura fria e dura
Tem-se uma única vida
Tenho há minha muito minha e ninguém vai vive-la um único momento por mim
Porque castra meus sonhos se só eu quem os ouço tocar
No ar e aqui dentro de mim
Devo me permitir e saber ouvir
O que vem antes das minhas atitudes e que minha racionalidade rígida e padronizada não me permiti
Só eu saberei escutar e sentir esse sonho tão meu e por vezes até irreal
Mas contem a minha felicidade
E executar aquilo que minha essência me pede é ser verdadeiramente feliz.

CONCEIÇÃO PEARCE
EXPECTATIVAS

Porque criamos ilusões e expectativas
Em tudo que acontece em nossa vida?
Porque damos guarida a sonhos e enganos
Alimentando esperanças
Tornando-nos presas fáceis das surpresas dessa vida
Apesar de um tremendo esforço para ter os pés no chão
Sempre vem a paixão colocando nossa cabeça no ar e o coração a mil
Enlouquecendo os sentidos
Ficando impossível a imaginação ser contida
O pensamento apenas centrado naquilo que o coração deseja
Roubando os sentidos de qualquer coisa que não seja fruto desse desejo pretendido
Fazendo-nos trilhar por um vazio que foi criado por mim em relação
ao meu bem - querer
Vivendo entre a fantasia e a realidade
Criamos um universo aparte
Apesar de todo esse conflito
Entre a verdade e a ilusão
E por saber que sempre existiram
Nunca deixaremos de amar e nos apaixonar loucamente
E colher desse amor aprendizado
Amando o amor apesar da dor

CONCEIÇÃO PEARCE
EXISTIR

Viver é um mergulhar constante
No impossível inimaginável
No impenetrável mundo do amanhã
Onde a sensibilidade muitas vezes desaparece
E a intuição nos deixa a margem
De qualquer segurança definida ou presumida
É um constante soltar-se
Um largar-se a cada dia
Para poder desfrutar da vida
Que sempre brota nova todo dia.

CONCEIÇÃO PEARCE
EFEITOS DO AMOR

Quem necessita de alguma droga para tira-lhe do chão
Capaz de deixar entorpecida qual quer criatura
De ficar sorrindo para qual quer pessoa na rua
Quem precisa de um estimulante
Excitante vitamina vitaminada contendo esta tina
Ou até qualquer bebida aditivada
Não experimentou o amor louco apaixonado
Capaz de deixar qualquer um extasiado de quatro deslumbrados
Com alteração nas batidas do coração e ate palpitação
Sofrendo de uma transformação e mutação
Só o amor é capaz de realizar uma verdadeira modificação
Sem interrupção.
CONCEIÇÃO PEARCE
É NATAL

Se vista de gratidão
Espalhe o perdão
Coloque no coração o amor
Transborde paz e generosidade.
Natal é um estado de espírito
Que ocorre no coração da gente
E se espalha quando expressamos essa emoção
Retornando dobrado ao nosso íntimo.

CONCEIÇÃO PEARCE
DESEJOS

QUE DESEJO É ESSE QUE ME INVADE
DOMINA-ME E INEBRIA
O DESEJO DE TER VOCÊ DE TE AMAR COM VONTADE
E MATAR ESSA SAUDADE QUE ME ALUCINA
E TOMA MEUS SENTIDOS
RECAÍDA LOUCA DO MEU AMOR POR VOCÊ
DESEJO QUE NÃO PASSOU COM O TEMPO
NÃO FOI SUBSTITUÍDO POR NENHUM SENTIMENTO DE DESPRAZER

CONCEIÇÃO PEARCE
CONVIVÊNCIA.

O que posso exigir de ti
Se tu não tens o que dar a mim
O que posso implorar
Atenção, carinho, dedicação
Compreensão ou qualquer outra expressão de sentimento.
Somos duas linhas
Correndo em direção opostas
Uma que vai de dentro para fora e outra de fora para dentro
Mas em nenhum momento há uma comunhão de verdadeiro sentimento.
Corpos que se entrelaçam momentos de puro encanto
Mas na profundidade de um relacionamento
Nada mais há a buscar Fazer, ser ou esperar acontecer.

Conceição Pearce
CONHECIMENTO

Mais um relacionamento termina
Olho para todos os lados
Onde estar o culpado
Onde errei
Que dando causei, não sei
Só existe dor no coração machucado
Como foi que consegui me ferir tanto
E derramar meu pranto numa expectativa de amor sem fim
Amei uma ilusão
Um ser virtual irreal que construi
Lançando-me continuamente sobre tua presença
Onde eu era total ausência
Perdi-me
Sofri mais que o necessário por ter abandonado primeiro a mim
Negligenciei me perdi em ti
Por minha necessidade de ser amado aprovado
E preenchido com aquilo que não sou capaz de dar a mim mesmo
Sofro por uma carência da minha ausência dentro de mim.

CONCEIÇÃO PEARCE
CEGO SEM SABER

O que me faz cego
Para deixar de perceber e entender o que acontece comigo com o mundo
E ate mesmo com quem estar ao meu lado
Imputando uma insensibilidade
O que tem a capacidade de me roubar o sentido ou o sentimento
E me tomar à personalidade fazendo viver o lado inverso do meu ser
Desviando o verdadeiro significado da verdade
O que tem o poder de pintar em letras garrafais aquilo que ninguém dar atenção e se tornar o centro das atenções sem que tal coisa mereça ter
O que é capaz de cegar a mim e a você?
Um fato
Um ato
Um caso
Um amor
Uma dor
Uma contradição
Uma traição
Um desejo de viver em comunhão
Conjugando com algum ser
Ou poder sem saber muito bem o porquê
Quão frágil nos somos
Se abrirmos os sentidos para mundo principalmente a intuição e coração
Tudo pode ter outra conotação ou ate mesmo retomar a visão
E perceber as situações como realmente são

CONCEIÇÃO PEARCE
CARGA

O que tu levas?
Sonhos, planos, pensamentos, pesadelos
Fotografias momentos
O que tu levas?
O nosso coração estar cheio
São tantas coisas
Que não sabemos o que de fato carregamos
Desvencilhar-nos, mas como?
Estamos cheios de planos
Colocá-los em pratica sabe se lá quando
E vamos carregando
Nessa postura ilógica
Só carregando no final das contas tudo vira uma carga
Tão grande e nada se faz tudo se transporta
Para outro dia
Outro mês
Quem sabe no outro ano
Por em pratica sabes lá quando

CONCEIÇÃO PEARCE


CAMINHANDO

Há passos lentos ou apressados
Passo a vida buscando escapar
E aprender com a vida que se dar de todos os modos
Caminho tentando sobreviver e ficar inteira
Baseada no nade que aprende
Luzes de estímulo e encorajamento
Reflete nas situações até então não vividas
Avaliando o lado bom para que possa ser usado como aprendizado depois
E me aprimorar cada vez mais
Eu mereço pelo esforço e árduo trabalho e ate sofrimento?
Ou sou digna de reconhecimento?
Na maioria das vezes não basta apenas à vontade
Pois na esquina da vida do mesmo modo posso estar agindo sem vontade
Repetindo atitudes que achava impossível não serem realizadas mais .

CONCEIÇÃO PEARCE

AMOR SEM EXPLICAÇÃO


AMO-TE ASSIM DE GRAÇA
AMO-TE À MEDIDA QUE O TEMPO PASSA
AMO-TE MESMO DISTANTE
SEM QUE POR UM INSTANTE POSSA TER OLHADO PARA VOCÊ
COMO EXPLICAR ESSE SENTIMENTO QUE SURGIU ASSIM POR VOCÊ?
E QUE AGITA MEUS SENTIDOS
SÓ DE PENSAR EM TE ESQUECER.


CONCEIÇÃO PEARCE

AMOR DOAÇÃO

Em nome do amor eu vou do céu ao inferno
Oscilo da alegria a tristeza
Vivo a incerteza
De ser correspondido ou não.
Mas persisto
Entregando-me a você
Transbordo em cuidados
Sou capaz de renunciar a mim mesmo
Para te ver feliz ao meu lado.
Por um breve tempo ou por um único momento
Ver-te feliz me basta.

CONCEIÇÃO PEARCE

AMOR

Do teu carinho atenção
Compreensão e entendimento
Foi brotando em mim um novo sentimento.
Não é amizade nem identificação
Uma mistura de sensações
Que acelera meu coração
Onda de emoção me invade
Descubro que te desejo como uma necessidade.
Admiração virou atração
Carinho vontade
Saudade ausência do teu corpo junto ao meu.
Passei a te amar aos poucos de forma tão louca
Que entorpece meus sentidos
Querendo estar contigo ontem hoje e mais tarde.
Conceição Pearce

AMAR COM LIBERDADE

Amor é delicadeza
Singeleza
Amor è prazer
Leve celebração com total inspiração
Abertura do coração
Ternura emoção
Embriaguez talvez
Exposição de sentimentos
Sem medos ou receio
Vulnerabilidade
Ser aceito, detestável
Ou inigualável
O que o amor é capaz de fazê-lo?
Sentimentos que podem ir do À ao Z
Meio a todo vendaval de sentimentos
Existem pessoas que tomam as rédeas do coração
Segurando sua emoção e controlando sentimentos
Não permitindo a canção de amor tocar e vibrar na liberdade de amar
Por receios medos ou desconforto
Acabam agindo por determinações interiores negativas limitadoras
Estagnando a vida de qual quer pessoa
Certamente sua inocência e liberdade foram castradas muito precocemente
Não permitindo viver a liberdade das suas emoções inteiras
Sendo robôs inexpressivos e totalmente previsíveis
Sem ser livre para amar
Ser e sentir de verdade o amor que se dar de forma incontrolável.
Conceição Pearce

AMANDO


Acompanhada do que realmente sou

Vivo o ritmo dos meus dias

Sendo o que sou

E não o que pensei em ser.

Não tento buscar disfarces

Para viver o que quero ou pretendo ser

Busco olhar para dentro

Para saber se em algum momento Não fui eu, mas quis ser você.

Vivendo no compasso da tua vida Nunca poderei ouvir minha alma

E saber que logo agora se abriu uma tremenda ferida

Deixando de lado o meu eu para pensar e me derramar por você.

Sendo de fato eu e não você

Poderei realmente amar e me dar sem me perder

E assim viver verdadeiramente esses amores que provem de mim ao encontro de você.


CONCEIÇÃO PEARCE

ALMA DE POETA


NESTE MUNDO AONDE A INCERTEZA VEM NOS SOLAPAR
UMA ROSA É UMA ROSA
UMA LAGRIMA É UMA LAGRIMA
UMA DOR NÃO TEM OUTRA CONOTAÇÃO
O DIA -A -DIA É UMA GRANDE ESCURIDÃO
É O SENTIMENTO DE SOLIDÃO NESSE IMENSO INFINITO
MAS HÁ OS QUE OLHAM PARA AS ESTRELAS
E DELAS FAZEM UM CANTO DO SEU SER
É OUTRO MOMENTO QUE SE MOSTRA
PASSA A CAMINHAR A LUZ DO CORAÇÃO NESSA IMENSA ESCURIDÃO
ILUMINADO COM SEU FAROL AQUELES QUE CAMINHAM AO SEU ABRIGO.

CONCEIÇÃO PAERCE

QUANDO AMAMOS

Quando nosso coração é tomado por um sentimento
Que nos rouba os sentidos e nos apaixona por alguém
Onda de emoção nos invade
Com um simples gesto ou emboçamento de amizade.
Querer ter e amar
Com toques, caricias e afagos
Mas quando esse amor
Longe dos nossos olhos estão
E o nosso corpo insiste a desejar
Necessidades afloram
E passamos a sofrer
O esquecimento do mais banal ato do dia-a- dia é deixado de lado
Passamos a suspirar
Com vontade de ter, ver pegar sem poder.


CONCEIÇÃO PEARCE

AMIGO
Quanto tempo sem verte
Sem mirar nos teus olhos
Sem sentir o que tu sentes
Sem saber que nesse ínterim tu cresceste.
Lembranças do que tu eras
Ficou gravado na memória do tempo que já passou
Sei que já não eis a pessoa de outrora uma nova brotou.
Mas o afeto que puseste em meu peito por te ainda ficou
O tempo não mudou nem mesmo apagou
Embora seja hoje alguém que esse mesmo tempo modificou.
Ainda permanece em meu coração com o rótulo de amigo
Sentimento que não passa
Mesmo que não te veja residi em mim uma necessidade de te.
CONCEIÇÃO PEARCE

PERDA

Há momentos que o mundo desaba
E ninguém é capaz de nos compreender
Por mais conselhos que nos dê
Nada é capaz de mover a dor delirante
Ficamos sozinhos
Nada aplaca a angústia que sufoca e sacrifica
O coração sangra
Quando a dor do abandono sobre nos se lança
Alguém que nos deixa e a perda é dilacerante
Inquietante e ficamos a nos indagar o porque?
Mergulhados no mar da dor
Que nos paralisou
E só o tempo e capaz de remover.

CONCEIÇÃO PEARCE


IDENTIDADE

Estar no mundo e sentir

A enorme onda cheiros

De perfumes que me invade

Sentimentos de amor e desamor

Felicidade e maldade

Orgulho e humildade

Paz e guerra

Outro construindo uma nova era.

O coração acelera

Meus neurônios te governam.

Qual caminho seguir E qual trajeto fazer?

Viver tudo isso E me lançar num precipício

Ou dentro de mim me centrar no que sou ou pretendo viver.

Sou dona de mim E não dependo das influências que o meio pode me levar a ser

Embora o dia-a-dia pinte um quadro E me queira na sua tela Com cores e formas definidas

Não são para mim as cores e formas preferidas.

Tenho as minhas cores e pinto em minha tela.

Conceição Pearce


SOLIDÃO
Só com sofreguidão
Ou estar só desatando os nós do coração
E por que não?
Só num ato de mergulhar para dentro
Revendo os bons ou maus momentos
Carregados de sentimentos na contra mão
Estudando a verdadeira direção
Buscando contentamento
Do meu ser sem companhia
Ouvindo apenas a melodia das batidas do coração
Seria tremendo ou não
Esses momentos de solidão
Recolher-me e buscar entender
O que se passou o que vivi e até mesmo o que esqueci
Solidão meu ser se solidificando
No silêncio do coração
Não existe dor nem confusão
Sou eu fazendo companhia a mim mesma
CONCEIÇÃO PEARCE