Recent Posts

sábado, 13 de agosto de 2011



SUSTENTAÇÃO

Como uma jangada ao mar
Navego pela vida
Uma lufada de vento me faz deslizar mar adentro
Sou impulsionada por carinhos e palavras doces
Que da tua boca é lançada seja meu amor ou amigo
O teu afago que mexe comigo por ser próximo
Capaz de modificar meu humor nos dias de desventura
Infla minha meu coração como se fosse uma vela
Sendo meu motor propulsor para vencer os desafios
Embora o tempo possa mudar
Do sol para chuva
O fato de me sentir amada
Com tua presença em minha alma
Ajuda-me a continuar a lutar
E vencer as intempéries do dia
É a forca da tua afirmação na minha vida

CONCEIÇÃO PEARCE

quinta-feira, 11 de agosto de 2011



DUALIDADE

A VIDA EXIGE ATOS
IMPULSIONADOS
PELOS ACONTECIMENTOS
QUE SE ALTERAM AO LOGO DA CAMINHADA
ESTOU
DIANTE DA VIDA
DISTANTE DE MIM
A VIDA EXIGE AÇÃO
NO INTERIOR A INQUIETAÇÃO
É O CORAÇÃO QUE SE PARTE
E REPARTE
ONDE ESTOU
NO MEU SILÊNCIO INTERIOR
DEIXANDO FALAR A RAZÃO
A EMOÇÃO É SUFOCADA
NO PALCO DA VIDA
ERRO AGINDO CONTRA MIM MESMA
ONDE MASCARAS SÃO CRIADAS
DEFENDENDO-ME DA MINHA VERDADE
DOS MAIS PROFUNDOS DESEJOS
E PENSAMENTOS
TENTO AFOGAR O QUE NÃO
FOI PERMITIDO EXPOR
A VIDA INIBE
O QUE SOU PARA COBRAR
DE MIM O COMUM
NO MUNDO NA UNIFORMIDADE

CONCEIÇÃO PEARCE