Recent Posts

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

ACONTECIMENTOS

A semente do amor
Dorme em mim
Pronta para rebentar
Fecundar o meu coração
Semeando o meu amor no seu
Perpetuando o milagre
Do amor tão antigo e sempre novo
Com a inexplicável capacidade
De unir
Fazer vibrar
Amantes num único sentimento
Estabelecendo vínculos
Além dos corpos que se entrelaçam
Na vivência de um prazer
Contínuo

CONCEIÇÃO PEARCE

quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

CONTRADIÇÃO

O amor pode ser causador
Da maior dor
Como ato de entrega
Recebimento
Deveria nos encher de contentamento
Oferta contínua do nosso ser para o objeto do nosso amor
Onde os bons sentimentos
Mina toda entrega e rendição
Por que fere então?
Dilacerando a alma
Partindo corações
Por não ter o que dar
Desvirtua-se
Damos cacos de vidro
Ao invés de luz e cura
Ato de um egoísmo
Exacerbado travestido de amor
Onde o essencial é conquistar
Provar
Sem se importar se vai machucar
Ou destruir
Terrível contradição
Amar é se sentir vivo
Vivificar
Pode nascer do nada
De forma errada
Morrer e abalar com tudo
Ou reacender a chama da vida
Nos corações
Feridos

CONCEIÇÃO PERACE